Baixo Gávea

Em 11/01/2018, um morador próximo do Baixo Gávea, que não conseguindo dormir, como acontece com frequência, em especial ás quintas feiras, decidiu descer até a Praça para ver de perto a origem de tamanho barulho.
Constatou que, além dos ambulantes que ali se instalam livremente, vendendo suas cervejas (em vidro) e churrasquinho, também haviam carros com aparelhos de som tocando até as 4h da manhã músicas altíssimas.

A Amagávea, mais uma vez, solicitou uma ação urgente e continua no local, e que se estendesse durante toda a madrugada.

Vejam a integra do comunicado em http://www.amagavea.org.br/comunicados/