61º Concerto de Música Clássica

61º CONCERTO DE MÚSICA CLÁSSICA:  13 DE MAIO, SÁBADO, 16:00 NO PLANETÁRIO

(Auditório: Rua Vice-Governador Rubens Berardo, 100, Gávea, fone 2088-0536)

AO VIVO COM A CAMERATA DA ORQUESTRA JOVEM DO RIO DE JANEIRO – GRÁTIS

Este concerto, com entrada gratuita, será ao vivo (excepcionalmente fora do formato habitual de Vídeo-Concerto) com a Camerata da Orquestra Jovem do Rio de Janeiro, que executará um programa variado com obras de representativos compositores dos repertórios clássico e popular, como Bach, Mozart, Villa-Lobos, Guerra Peixe, Ernani Aguiar, Piazzolla, Pixinguinha, Chiquinha Gonzaga, Ari Barroso, Luiz Gonzaga e Tom Jobim

A entrada é franca, mas garanta sua reserva enviando um EM para [email protected] (Assunto: Concerto do dia 13 de maio) até o dia 12 de maio e retire seu ingresso na Recepção até meia hora antes do concerto, após o que as reservas serão abertas. A lista de entrada para os que não fizerem reserva será organizada na Recepção 45 minutos antes do início do evento até completar a lotação do Auditório (120 lugares).

O estacionamento do Planetário é gratuito e estará disponível dentro de sua capacidade limitada. Os estacionamentos do Trade Center e do Shopping da Gávea, na Rua Marquês de São Vicente, são boas opções. Não obstante, a área é servida por farto transporte público.

O concerto dura cerca de duas horas, incluindo a contextualização das obras pelos intérpretes. Um ótimo Concerto é o que lhes deseja a direção do Planetário do Rio de Janeiro, da AMAGÁVEA, da AMAJB, da Sociedade Musical Bachiana Brasileira e da AAJB, através de seu Conselheiro Nelson de Franco.

Eis o programa detalhado:

1. JOHANN SEBASTIAN BACH (1685-1750), ÁRIA (2º MOVIMENTO) DA SUÍTE ORQUESTRAL Nº EM RÉ MAIOR, BWV 1068, 1731, 5’.
2. WOLFGANG AMADEUS MOZART (1756-1791), DIVERTIMENTO EM RÉ MAIOR, K136, 1772, 13’.
i) Allegro; ii) Andante; iii) Presto.
3. ERNANI AGUIAR (1950), 4 MOMENTOS Nº 3, 1994, 8’.
i) Tempo de maracatu; ii) Tempo de cabocolinhos; iii) Canto; iv) Marcha.
4. ASTOR PIAZZOLLA (1921-1992); ADIÓS NONINO, 1959, 8”.
5. CHIQUINHA GONZAGA, (1847-1935), GAÚCHO (CORTA-JACA), 1897, 3’
6. ALFREDO DA ROCHA VIANNA, filho, dito PIXINGUINHA (1897-1973); CARINHOSO, 1917, 3”.
7. HEITOR VILLA-LOBOS (1887–1959), NA CORDA DA VIOLA do GUIA PRÁTICO PARA PIANO ALBUM 1, 1932, 5”.
8. ANTONIO CARLOS JOBIM (1927-1994); GAROTA DE IPANEMA, 1962, 4”.
9. ARY BARROSO (1903-1964); AQUARELA DO BRASIL, 1939, 4”.
10. LUÍS GONZAGA (1912-1989); XOTE DAS MENINAS, 1953, 3”.
11. CÉSAR GUERRA-PEIXE (1914-1993); MOURÃO, 1973, 4”.

Duração Musical: 60’


Nota:
O próximo concerto da Série será no sábado 3 de junho, às 16:00, com a Camerata da Providência sob regência do Maestro e compositor Anderson Alves. Anteriormente, na Série Música da Câmara nas Estrelas, haverá concerto da Cia. Bachiana Brasileira na 5ª feira, 18 de maio, às 20:00 na Cúpula Carl Sagan, sob direção e regência do Maestro Ricardo Rocha.

Atenciosamente,

Diretoria Amagávea