29º Vídeo Concerto de Música Clássica no Planetário

Sábado, 23 de agosto às 16:00 horas

DO BARROCO ITALIANO A DESTAQUES NA PASSAGEM PARA O SÉC. XX:

RICHARD STRAUSS, BRUCH, MILHAUD E NAZARETH

O Planetário da Gávea recebe mais uma edição da série Música Clássica nas Estrelas de Vídeo-Concertos no sábado, 23 de agosto às 16:00 no Auditório do Planetário (Rua Vice-Governador Rubens Berardo, 100, Gávea, fone 2274-0046), que oferece conforto (aparelhagem de ar-condicionado exclusiva para o Auditório) e qualidade sonora para levar-lhes um programa de elevado entretenimento cultural.

 

O Vídeo- Concerto consiste na projeção de mídias audiovisuais de alta qualidade, com comentários que contextualizam as composições de música de concerto, seus compositores e intérpretes. Este VC apresentará, como de costume, um programa variado, destacando música barroca italiana com o notável conjunto Il Giardino Armonico, poema sinfônico de Richard Strauss e concerto para violino de Max Bruch, a par de uma coletânea que acentua a ponte entre a música popular brasileira e a música de concerto, focalizando compositores nossos como Jobim e Nazareth, entre outros, e internacionais, como Chopin, que inspirou Jobim, e Milhaud, que foi inspirado por Nazareth, em obras de destaque, com diversas formações instrumentais

 

e intérpretes consagrados.

O acesso é livre. Não adquira ingresso na Bilheteria; entre diretamente no prédio e identifique-se na recepção, procedendo à entrada do Auditório, no 1º piso, onde representante da Associação dos Moradores e Amigos da Gávea-AMAGAVEA estará, pelo menos meia hora antes do Vídeo-concerto, organizando a lista de entrada e recebendo as contribuições voluntárias, com um valor sugerido de R$15, para compensar os custos de produção incorridos pela AMAGAVEA e a ausência de patrocínio financeiro. Se desejar fazer uma reserva, mande um EM para [email protected] (assunto: VC de 23.08 no Planetário) ou se comunique com Nelson de Franco nos fones 99676-3040 ou 2274-9972. Se V., por acaso, esquecer de fazer a reserva, não deixe de comparecer por essa razão, pois o Auditório com suas 100 cadeiras tem capacidade suficiente para acomodar a costumeira plateia dos VCs.

Este Projeto é resultado de uma bem sucedida parceria entre o Planetário e a AMAGAVEA, que conta ainda com apoio da Associação dos Amigos do Jardim Botânico-AAJB, da Associação dos Moradores e Amigos do Jardim Botânico-AMAJB e da Sociedade Bachiana Brasileira para sua divulgação

Eis o programa detalhado:

1. Richard Strauss (1864-1949), Don Juan, poema sinfônico, Opus 20, 1889, 18:04

Filarmônica de Viena, Maestro Mariss Jansons, Salzburg Festival, Grosses Festspielhaus, 2012, DVD Salzburg Festival 2012, 2013.

 

2.1 Nazaretheando, 18:52.

i) Ernesto Nazareth (1863-1934), Confidências, 1913, Nicolas Souza Barros, Violão, 4:02

ii. Darius Milhaud (1892-1974), Scaramouche, Opus 165B, Brazileira – Mouvement de Samba, 9:05:

ii.1 Duo Güher& Süher Pekinel, pianos, 2:41, Tonhalle, Zurich, New Year´s Concert, 2007, DVD Live in Concert Güher& Süher Pekinel, 2009.

ii.2 Marcelo Bratke e Camerata Vale, 2:39, agosto 2009, Auditório Ibirapuera, registro TV Cultura, Série Clássicos, seguido de Brejeiro de Ernesto Nazareth, 1920, para ilustrar a influência na peça de Milhaud: 3:45.

iii) Com o Duo Santoro de Violoncelos, 5:45:

iii.1. José Alberto Kaplan (1935-2009), Nazareteando, 1993, 2:45

iii.2. Waldyr Azevedo, (1923-1980), Brasileirinho, 1949, 3:00

 

2.2 Fryderyk Chopin (1810-1849), Prelúdio nº 4 em Mi Menor, Opus 28, & Antonio Carlos Jobim (1927-1994), Insensatez, 1961, Duo Flávio Augusto, piano, e José Staneck, gaita, 4:26

 

Arranjos dos executantes, registros da TV Brasil, Série Partituras, Direção Musical de José Schiller, 2014, exceto para 2.1.ii.1.

 

3.1 Tarquinio Merula (1594-1665), Ciaccona, publicada em 1637 em Canzoni overo sonate concertate per chiesa e camera, para dois instrumentos sopranos (violinos) e baixo contínuo, 3:04.

3.2 Antonio Vivaldi (1678-1741), Concerto em Ré Maior para alaúde, dois violinos e baixo contínuo, RV 93, 8:32:

i) Allegro, 3:19; ii) Largo, 3:11; iii) Allegro, 2:02.

Il Giardino Armonico (Luca Pianca, alaúde; Enrico Onofri e Marco Bianchi, violinos; Paolo Beschi, violoncelo; Luca Guglielmi, cravo), registro ao vivo em locações na Sicília, cerca de Palermo, 1999, DVD Il Giardino Armonico, Music of the Italian Baroque, 2013.

 

4. Max Bruch, (1838-1920) Concerto for Violin and Orchestra Nº 1 em Sol Menor, Opus 26, 1866, 26:48:

i) Vorspiel. Allegro Moderato, 8:19; Adagio, 8:37; Finale. Allegro Energico – Presto, 9:52.

Vadim Repin, Berliner Philamoniker, Maestro Simon Rattle, Conservatório Tchaikovsky, Moscou, 2008, DVD Berliner Philharmoniker/Vadim Repin/Simon Rattle, 2009

 

O vídeo-concerto dura cerca de 2 horas, incluindo as apresentações das obras e o intervalo de 10 minutos.